19°C 28°C
Feira de Santana, BA
Publicidade

Vidraceiro é baleado e morre ao voltar de trabalho, em Salvador; família e amigos acusam PMs

Versão da polícia é de que houve tiroteio contra suspeitos e vítima acabou baleada ao passar por local.

09/06/2023 às 15h13
Por: Site Feira 24 Horas
Compartilhe:
Vidraceiro é baleado e morre ao voltar de trabalho, em Salvador; família e amigos acusam PMs

Um vidraceiro de 47 anos morreu após ser baleado enquanto voltava do trabalho na tarde de quinta-feira (8), na Rua Paulo Magalhães Dantas, que fica no bairro da Engomadeira, região periférica de Salvador. A família e os amigos acusam policiais militares de terem dado o tiro.

A vítima é o Carlos Henrique Soares dos Santos, que também era eletricista. A Polícia Militar informou que uma equipe fazia ronda, quando foi alvo de tiros no bairro e revidou. O vidraceiro teria sido encontrado ferido ao cessar dos disparos, e foi levado para o Hospital Geral Roberto Santos (HGRS).

O caso aconteceu por volta das 15h, quando a vítima se aproximava de casa. O cunhado de Carlos Henrique, Ivan Pinheiro, afirmou que o vidraceiro morreu ainda no local, mas mesmo assim o corpo dele foi levado para o hospital.

"Esse tiro, que eles disseram que foi troca de tiros, atingiu meu cunhado. Ele veio a falecer no local e os mesmos [policiais] pegaram ele e levaram para o hospital. Estamos indignados, porque Carlos era uma pessoa do bem, um irmão, pai de família, protetor da família e amigo de todos aqui no nosso bairro".

O caso é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que determinou uma perícia no local e vai investigar as circunstâncias da morte. O sepultamento será na tarde desta sexta-feira (9), no Cemitério Ordem 3° de São Francisco na Baixa de Quintas.

"Ele era maravilhoso, um menino que nunca mexeu na vida de ninguém. Eu o conheço há muitos anos, não tenho palavras para falar sobre a pessoa que ele é", desabafou uma vizinha de Carlos Henrique.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias