OLÍVIO FARMA - BANNER TOPO
CARNE

Mais de 300 Kg de carne clandestina são apreendidos no Recôncavo Baiano

A apreensão aconteceu durante uma operação organizada pelo Ministério Público estadual (MP-BA), nessa quinta-feira (4/7).

05/07/2019 19h27Atualizado há 2 semanas
Por: Rodrigo Santos

Mais de 300 Kg de carne clandestina foram apreendidas em uma fazenda no município de Dom Macedo Costa, a 20 km de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano. A apreensão aconteceu durante uma operação organizada pelo Ministério Público estadual (MP-BA), nessa quinta-feira (4/7).

A Polícia Militar e a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) também participaram da ação no local, onde também estavam as carcaças dos animais e os aparelhos usados no abate. As pessoas presentes na fazenda conseguiram fugir.

RISCOS

Coordenador da operação, o promotor de Justiça Julimar Barreto comentou que o abate clandestino de bovinos pode contaminar o meio ambiente e disseminar doenças entre a população devido às condições extremamente precárias no qual é realizado. Além disso, configura crime ambiental e crime contra as relações de consumo.

O promotor Julimar Barreto esclarece também que operações de combate ao abate clandestino são promovidas com frequência pelo MP na região de Santo Antônio de Jesus. Além disso, um procedimento de investigação foi instaurado para apurar um suposto aumento da prática na localidade.

O MP destacou, ainda, que para que o abate de bovinos seja feito de forma legalizada é necessário que o frigorífico possua licença ambiental, seja inspecionado pela Adab e tenha um médico veterinário de plantão antes e após o abate. 

 

ARATU ON

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.