OLÍVIO FARMA - BANNER TOPO
BRASIL

Bolsonaro libera R$18 milhões para obras de Irmã Dulce

O hospital está localizado dentro da instituição Obras Sociais Irmã Dulce, que foi fundada em 1959. Em média, a unidade realiza anualmente 12 mil cirurgias e contabiliza 17 mil internações.

17/10/2019 12h00
Por: Rodrigo Santos

O presidente da República, Jair Bolsonaro, autorizou nesta terça-feira (15) o repasse de R$ 18 milhões ao Hospital Santo Antônio (HSA), em Salvador, que é considerado o coração das obras assistenciais da Irmã Dulce.

A brasileira Maria Rita de Sousa Brito Lopes Pontes (1914-1992) foi canonizada pelo papa Francisco no domingo (13), no Vaticano, e passou a ser venerada como Santa Dulce dos Pobres. Bolsonaro não participou da cerimônia e o governo brasileiro foi representado pelo vice-presidente, Hamilton Mourão, bem como membros do Congresso e do Judiciário.

O repasse do recurso federal foi assinado pelo mandatário brasileiro e o ministro da Saúde, Henrique Mandetta. O dinheiro irá auxiliar a unidade de saúde em pesquisas, manutenção e reformas do hospital.

“Temos uma santa brasileira, Irmã Dulce dos Pobres. O que fica da obra dela é nós tentarmos ser, pelo menos um dia por ano, o que foi Irmã Dulce. Uma mulher que levou esperança para muita gente com seu sacrifício, sua determinação. Levou o bem, tirou as dores e curou muita gente com seu trabalho. Fica em nosso coração”, disse Bolsonaro em uma cerimônia no Palácio do Planalto.

O hospital está localizado dentro da instituição Obras Sociais Irmã Dulce, que foi fundada em 1959. Em média, a unidade realiza anualmente 12 mil cirurgias e contabiliza 17 mil internações. Além disso, são feitos mensalmente cerca de 9,3 mil atendimentos para tratamento do câncer.(ANSA)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias