18°C 27°C
Feira de Santana, BA
Publicidade

Prefeito Colbert Filho assina ordem de serviço para construção do Hospital Cidade

Unidade não irá ofertar atendimentos de emergência 24h para a população.

03/07/2024 às 16h31
Por: Site Feira 24 Horas
Compartilhe:
Prefeito Colbert Filho assina ordem de serviço para construção do Hospital Cidade

Nesta quarta-feira (3), o prefeito Colbert Martins Filho assinou a ordem de serviço para o início das obras do segundo hospital municipal de Feira de Santana. O ato realizado na antiga sede da Secretaria Municipal de Saúde é um marco histórico para a cidade, que pela primeira vez terá uma unidade na modalidade hospital dia para atender a população geral. O investimento total será aproximadamente de R$ 24.445 milhões. 


De acordo com o prefeito, trata-se de um hospital que funcionará inicialmente com 10 leitos, mas tem a perspectiva de ampliação. O nome revelado pelo gestor homenageará o ortopedista Benício Cunha Cavalcante, que prestou relevantes serviços a população feirense durante muitos anos, mas faleceu em 2020, no período de pandemia da Covid-19.
“Os recursos são municipais e atenderão as necessidades das pessoas de Feira de Santana. O hospital vai trabalhar com tecnologia, aqui serão usados instrumentos de laparoscopia, endoscopia, artroscopia e todos demais que puderem ser utilizados para que a medicina possa ser feita de forma mais rápida e eficiente nós iremos fazer. Vamos ter também estrutura para compreender robótica”, anunciou Colbert.


O gestor municipal pontua que a unidade hospitalar não atenderá casos de emergência. Colbert ainda explica que a aquisição do local onde foi instalado o Hospital de Campanha para Combate à Covid não ocorreu devido à grande dívida trabalhista que a empresa possuía.


A secretária municipal de Saúde, Cristiane Campos, destaca que as obras devem começar nesta quinta-feira (4), com a demolição de parte do prédio e posteriormente a ampliação da frente que será destinada para salas de cirurgias e leitos. 


“Feira terá o seu segundo hospital municipal. Serão seis salas de cirurgias, 10 leitos incluindo Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O novo hospital será dividido em dois pavimentos com uma área construída de 4.130m2. A empresa responsável é experiente, dirigiu a segunda etapa do Hospital Geral Clériston Andrade e a construção do Couto Maia, localizado em Salvador”, frisou. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias